Quão popular sou?

sábado, 26 de março de 2011

Pior?! Impossivel :(

Ninguém nasce ensinado, e todas as pessoas tem direito a errar, o problema é quando isso acontece constantemente.
Erraste e contínuas a faze-lo todos os dias, mas pior que isso é termos a noção de que agimos mal e não fazemos nada para mudar.
Passei anos iludida, a pensar que um dia as coisas seriam diferentes, um dia ias mudar, ias melhorar, tornar-te mais humano, sensível, carinhoso..mas nada disso aconteceu. O tempo foi passando, eu fui crescendo, e tu, cada vez mais não passavas de um ser estranho com quem eu partilhava a casa.
Nunca fizeste parte dos bons momentos da minha vida, pelo contrário, apenas consegues estar presente nós piores e mais tristes, e por muito triste que seja, na maioria das vezes, o motivo da minha tristeza é a tua presença.
Odeio-te por nunca por nunca ter tido uma infância calma e tranquila como as outras crianças, onde o seu grande dilema, é a brincadeira do dia seguinte, odeio-te por tratares mal as pessoas que mais gosto, pessoas essas a quem devo a educação que nunca que soubeste dar, o beijo de boa noite, coisa essas, que nem deves saber o que significa, a palavra amiga que tantas vezes precisamos, e nunca da tua boca ouvi.
Sim, não se deve ter sentimentos tão fortes e negativos como este, mas no meu caso, e para ti em concreto “odeio-te

sexta-feira, 18 de março de 2011

Sim, é verdade..Nem sempre posso estar onde quero, mas ninguem me pode impedir de viajar com a minha imaginação até lá.. :)